Financiamento do Crescimento

Financiamento do Crescimento | Foto por Freepik.

Crescer é uma meta constante de qualquer negócio, não importa a sua área de atuação, nem o porte da empresa. Todas almejam o próximo degrau.

Para startups, o crescimento tem um peso ainda maior, uma vez que define a sobrevivência e sucesso do negócio a curto e médio prazo.

Os caminhos para se alçar o crescimento são diversos, o que muitas vezes faz o empreendedor ter dificuldades de traçar uma boa estratégia de tração para o seu negócio.

Entre inúmeras possibilidades, “financiar o crescimento” se destaca pela sua previsibilidade, abrindo margem para que o empreendedor possa flexibilizar suas decisões ao longo da jornada de crescimento. E é sobre esse modelo que iremos falar agora.

O que significa “Financiamento do Crescimento”?

Todo empreendedor de primeira viagem já deve ter refletido, em algum momento, se vale o risco de recorrer a empréstimos e financiamentos. Afinal, não é incomum que empresários evitem a contratação de crédito para financiar o início de suas atividades comerciais ou o crescimento do empreendimento.

O financiamento é uma espécie de compra a longo prazo, com o acréscimo de uma taxa de juros ao valor inicial, que varia de acordo com o tempo de parcelamento.

Por que deveria pensar nisso?

No atual cenário econômico, se temos por um lado ideias e soluções com alta escalabilidade, por outro temos uma gama de investidores e instituições procurando negócios para injetar o capital. Nesse momento utilizar o método de financiamento para gerar o crescimento potencializado parece uma boa ideia, não é mesmo?

Um dos meios para isso é utilizar como garantia do financiamento a Receita Previsível, ou Receita Futura, para conseguir o aporte necessário para impulsionar seu negócio.

Mas afinal, o que é Receita Previsível?

O termo é mais simples do que parece. Surgiu pela primeira vez em um livro de mesmo nome, escrito por Aaron Ross, e desde então se espalhou pelo universo empreendedor quando o debate é sobre financiamento.

Em uma definição simplificada, receita previsível é um dado conhecido pelo empreendedor de quanto o seu negócio irá faturar em um determinado período de tempo. Para estimar esse valor, é comum levar até 1 ano para se obter esta previsibilidade da receita.

O uso da receita previsível é indicado justamente para que o empreendedor e o fornecedor de crédito não sejam pegos de surpresa em momento algum. Isso porque, a partir do que já está previsto, o empreendedor consegue desenvolver uma série de práticas para conseguir potencializar a receita do seu negócio.

Dessa forma, é possível obter além de uma receita-base previsível, leads e clientes previsíveis, que só somam ao crescimento.

Aprenda aplicar a receita previsível com cases reais

Na próxima quinta-feira, 09 de julho, o o Hugo Mathecowitsch, cofundador e CEO da a55 – startup pioneira de financiamento baseado em receita previsível – irá nos trazer um panorama de soluções para financiar o crescimento de startups no ecossistema campineiro. Participe desta live!


Redação por:
Caio, da Campinas Tech.